Ronaldo, o Grande

O jogo estava tenso. O goleiro Felipe (Eddie Murphy) falhara grotescamente no primeiro gol do Palmeiras, marcado por Diego Souza (Cauã Reymond).

Mal ae, Corinthia!

Mal ae, Corinthia!

O Palmeiras dominava o jogo. Chicão (Robert Downey Jr.) era o homem de ferro da zaga corinthiana, mas o time alviverde pressionava para ampliar a vantagem e manter o tabu (Taboo).

É nóis na manutenção!

É nóis na manutenção!

Mano Menezes (Bruce Willis) tinha de decidir rapidamente o que fazer. Olhou para o banco e notou que um de seus jogadores engradecia diante dos outros reservas.

Põe eu que eu tô em forma, professor!

Põe eu que eu tô em forma, professor!

Mano não pensou duas vezes. Pediu para que seu craque maior cuspisse a coxinha fora e começasse a aquecer. Ronaldo (Jack Black, irreconhecível) pegou o carvão, a chuleta e a cerva e aqueceu a beira do gramado, sabendo que seria a estrela do jogo.

E Ronaldo, assim como fez com a chuleta, põe fogo no jogo. Um drible logo de cara, uma bola na trave tempos depois. Uma assistência que era meio gol, não fosse o goleiro do Palmeiras, Bruno (Nick Frost). E eis que, em um daqueles lances de predestinados, Ronaldo, o gênio, o maior artilheiro de todos os tempos, marca de cabeça.

Ronaldo sobe - e come - mais que os adversários para marcar

Ronaldo sobe - e come - mais que os adversários para marcar

Na comemoração, Ronaldo sobe no alambrado e mata mais de mil pessoas, uma tragédia nacional. Mas para o técnico Vanderley Luxemburgo (Alan Rickman, afetado), o jogo foi discutível porque o Ronaldo apareceu mais que ele.

Maldito Mano McLane! Todo mundo se importa com o gordo! Eu sou dono de um instituto, não de uma churrascaria!

Maldito Mano McLane! Todo mundo se importa com o gordo! Eu sou dono de um instituto, não de uma churrascaria!

Ronaldo, o herói do esporte, voltou das cinzas de sua churrasqueira para provar maminha, picanha e chuleta. Vida longa ao maior jogador do mundo.

Anúncios

8 pensamentos sobre “Ronaldo, o Grande

  1. Rupert Everett! hahahahahahah

  2. No F5 ele virou Alan Rickman, mas era mais legal pensar no Everett!

  3. camila disse:

    Tomara que ele entale no gol e não saia nunca mais, gordo lazarento e morfético!!!!

  4. Zé Ricardo disse:

    O Ronaldo está tão gordo que nem o alambrado aguentou. Falo mesmo.

  5. Silent B disse:

    Luxemburgo Rickman foi excelente!

  6. Paulo Bono disse:

    Longe dele ser o maior do mundo.
    Mas é sua a melhor resenha da rodada.

    abraço

  7. dehlicaramico disse:

    Por onde eu andava que não era pelo seu blog, hein?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: