Niko Bellic, te dedico!

Ando perseguindo a Mega Sena como forma de salvação vez que Deus, as armas e o Estado são demasiado Idade Média. Mas, ao mesmo tempo em que minha cruzada para ficar rico falha miseravelmente, no GTA IV eu sou o fodão: tenho 300 mil doletas, carros a rodo e duas mansões, além de um muquifo no subúrbio russo de Liberty City. Ontem assaltei um banco e, como diria Mano Brown, me formei ladrão.

No Winning Eleven, às vezes, faço chover. Na vida real eu fui tão bom jogador de futebol que acabei jornalista.

E o que dizer de God of War senão que eu trucidava os deuses gregos, aqueles frescos, como se fossem pedaços de papel. Na vida real nunca tive coragem de encarar Zeus, um doberman que era o terror da Casa Verde.

O Guitar Hero diz que eu sou rock, e amigos ilustres como Lemmy Kilmister, Ozzy Osbourne e Lars Ulrich me acham o fodão e fazem jam sessions comigo. Tenho um Camaro, um Jaguar, um Golf turbinado e meia dúzia de lixos coreanos no Forza. Já consegui prender o Geléia e sei lá quantos fantasmas em Ghostbusthers. Mandei Lavos à puta que pariu no Chrono Trigger e salvei o mundo em Metal Gear Solid. Várias vezes.

Claro que isso não vale nada na vida real, onde eu continuo acordando cedo para vir ao trabalho, me equilibrando em corda bamba e frouxa no final do mês e tentando ler D. Quixote, tudo isso sem sucesso. A vida deveria ser uma sequência de botões, com direcional para onde você quisesse ir e missões aleatórias engraçadas. Ok, as missões aletórias existem, e são engraçadas. Ponto para a vida real.

Pior ainda é que em algum lugar entre a segunda série e a faculdade eu salvei o jogo na hora errada e, se tentar dar load, vai voltar quase tudo cagado. Porque não chega a ser uma vida de merda, mas rola um peido molhado aqui, outro acolá.

E por falar em vida real versus videogame, até nele ando rodando bonito. Dead Space a noite é impossível. Me cago de medo, puta jogo pau no cu!

Anúncios

2 pensamentos sobre “Niko Bellic, te dedico!

  1. lagartixas disse:

    MEOLLLLDEEEOOOSSSSS!
    Também sou fodona no mundo dos games e dos sonhos.
    Já na vida real, sou apenas uma senhorinha calma e bem comportada.
    Quero trocar de lugar, ok!

  2. Zé Ricardo disse:

    No The Sims eu sou rico, forte, e bonito, o que me garante oba-oba todo dia. Sou um verdadeiro liferuler transão.
    Na vida real eu sou pobre, gordo, e feio, o que me garante bronha todo dia. Sou um verdadeiro nerd perdedor.
    No entanto, apesar de tudo, não vou me matar. Vai que esse negócio de carma acontece mesmo. Imagine minha angústia no momento de respawn.
    Se for verdade, prefiro voltar com mais xp.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: