O agasalho da GAP

Pequim – China

Mais irônico que um Dalai Lama maoista é descobrir que daqui alguns anos essa singela blusa levantará discussões em um país a milhas de distância. O que vale dizer agora é que Lee tinha jeito com a costura e não era por ter o nome da fabricante de calças jeans. E que ele, com um esmero acima do normal, costurou as três letras naquela blusa de moletom como se estivesse pintando um afresco na Capela Sistina.

– Mas tá bom, hein?
– Brilhante Lee! Faz mais duas mil dessas em dois dias.

E Lee jogou sua obra de arte em uma caixa de madeira, como se fosse uma peça de pirataria qualquer.

Nápoles – Itália

É grave a crise. Mas ainda assim, milhares de produtos chineses desembarcam em Nápoles e de lá correm para as mãos da máfia como se fossem bolotas de carne suculentas com molho de tomate. Todos têm um produto chinês para chamar de seu e dali eles distribuem para todo o mundo como se fossem peças originais. Algumas têm sorte, vão parar nas vitrines das principais lojas de Milão. Outras são relegadas aos países africanos, aos mercados terceiro mundistas e à rua José Paulino, no Bom Retiro. A blusa costurada por Lee como se fosse o Santo Sudário veio parar no bairro paulistano, como milhares de conterrâneos, por conta de um erro em uma loja napolitana.

– Mas não me joga as blusa com as calça, Giuseppe!
– Mas que cazzo isso tá fazendo aqui ma va!
– Ma che!
– Ma va!

São Paulo – Brasil

O Alfredo estava a contragosto com a namorada na Rua José Paulino. A cada vitrine eram mais e mais vestidos. Foi puxado para uma das lojas antes de conseguir se safar com o terceiro cigarro consecutivo.

– Alfredo, aqui tem uma para você ó.
– Não curti, amor.
– Nah, ficou ótima, é presente.

E assim que chegou em casa, Alfredo jogou a obra prima de Lee ao lado da cômoda.

Os dias passaram lentos até aquele no qual o Alberto bebeu demais.  Acabou dormindo no quarto do Alfredo enquanto a festa rolava solta. Deitou do jeito que veio a festa na primeira cama que viu e acordou horas depois com uma sensação de guarda chuva na boca e uma blusa repleta de vômito no corpo.

– Ô Alfredo, ô Alfredo!
– Que é, velho?
– Empresta uma blusa ae?
– Pega essa da cômoda, mas não zoa que é presente da minha mina.
– Firmeza. Playboyzão hein paquito, tá de GAP.
– Tá, tá, abraço.

São Paulo – Brasil

Na TV, a repórter dava as últimas notícias do cerco dos estudantes à reitoria de uma das principais universidades do Brasil.

– Amor, aquele não é o Alberto?
– Que Alberto?
– Aquele seu amigo da USP?
– Ih olha lá, é ele.
– E aquela é sua blusa da GAP que eu te dei?
– Claro que não, amor.
– Então cadê ela?
– Tá no quarto.
– Traz agora!
– Olha amor, todo mundo tá chamando ele de playboy, dizendo que ele esqueceu o Toddynho, hahahahaha.
– Alfredo, a blusa.
– Tá, é a minha!
– Porra, Alfredo!
– O cara veio aqui, bebeu demais, pediu a blusa emprestada, que tem demais?
– Vou dar meu presentes para alguém, vamos ver se você vai gostar!
– Para com isso amor, a minha blusa  tá famosa! Tem gente dizendo que foi comprada em Nova Iorque!
– Sério?
– Tá aí, saiu no Reinaldo Azevedo, no Tas, em tudo quanto é lugar!
– Vamos contar para eles que é pirata?
– Para quê, tá tão boa que parece real!

E em algum lugar de Pequim, Lee sorriu involuntariamente. Tinha acabado de costurar uma bolsa Louis Vuitton que parecia a Pietá.

Anúncios

5 pensamentos sobre “O agasalho da GAP

  1. Fred H. disse:

    estou aos prantos

  2. Joana disse:

    Genial!!!!

  3. qualquergordotemblog disse:

    Sensacional!

  4. deborah disse:

    pior é que esse também é o agasalho mais barato de Nova Iorque.

  5. mariana disse:

    uhahuahahuauhuah mto boooom!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: