A banha do peixe elétrico

Não sei se todos que leem esse texto conhecem o esquema da banha do peixe elétrico. Pois bem, nos trens de SP era costume pintar o cara que vendia a banha do peixe elétrico, com propriedades curandeiras capazes de corar Jesus Cristo, Drauzio Varela e outros milagreiros. Com a banha do peixe elétrico você poderia curar dor nas costas, lombalgia, câncer, dinheiro curto no fim do mês e toda a sorte de enfermidades. E o vendedor da banha do peixe elétrico era uma espécie de Testemunha de Jeová do ramo. Uma olhada de cinco segundos e já era, o cara já estava lá besuntando sua pessoa com a banha do peixe elétrico. Dentro do trem. As vezes lotado.

Após duas horas andando a esmo pelo shopping, parei num quiosque de produtos do Mar Morto para perguntar se existia no raio de cinco quilômetros um quiosque, loja, barraca ou o que o valha da Mac, para comprar o presente de dia dos namorados da Amber.

Não sei vocês, mas acho esse lance de “produtos do Mar Morto” algo muito Rota da Seda. Parece que a bagaça veio de navio, enfrentou piratas, tempestades, tubarões e quem sabe o Kraken em pessoa. Ou em polvo. É como se fosse um produto místico, para lá de Asshai como dizem os personagens do Game of Thrones. São coisas do Mar Morto, logo é preciso que o intrépido funcionário de um comerciante da Companhia das Índias mergulhe, enfrente as almas penadas que lá habitam e volte com um creme, um esmalte ou outro produto feminino.

Pois bem, pare no quiosque dos produtos do Mar Morto.

– Moça, desculpa a pergunta indiscreta, mas você sabe se tem algum quiosque ou loja da Mac por aqui?
– É presente para namorada? Vem cá que te mostro um novo produto.

E súbito a vendedora  pede para ver um das minhas unhas. Minhas pobres unhas, vítimas ferozes dos meus dentes em jogos do Corinthians e outros momentos de tensão.

– É bem simples, primeiro você passa esse lado para lixar, depois esse para aparar as pontas e por fim esse para passar a queratina, que vai fortalecer suas unhas. Você costuma tirar a cutícula?

Sério mesmo?

– Não…
– Então, tenho esse creme aqui para fortalecer a pela da cutícula. Feito tudo isso, você não precisa ir mais na manicure pois o esmalte fica na sua unha por duas semanas.

Hahahahahahahahahaha, vai vendo o diálogo. A moça quer me vender a bagaça, passa o trem na minha unha e diz que aquilo vai ficar por duas semanas. Por duas longas semanas terei uma unha esmaltada enquanto as outras vão continuar como sempre foram, feias como uma batida entre dois ônibus carregados de pandas felizes.

– Quer ver que legal, não sai nem com acetona.

Nisso a vendedora esfrega acetona freneticamente na minha unha e o esmalte continua lá, intransponível, o escudo do Capitão América. Já me imaginei ricocheteando tiros com as unhas, poderia até virar um super herói, o Doutor Esmalte, o Capitão Unha ou o que o valha.

_ Hahahahahahaha moça, vou ficar com isso por duas semanas?
– Vai.

Então a vendedora me explica que o produto é importado de Israel e todo o carma vindo do Ariel Sharon dá um pouco de contexto às coisas. Quatro horas depois, consegui achar uma loja da Mac, comprei o presente e ouvi as explicações da vendedora como se fosse o presidente do banco central grego escutando sobre austeridade econômica. E de cinco em cinco segundos olhava para aquele dedão brilhante, um gênio da raça dos dedos.

Anúncios

4 pensamentos sobre “A banha do peixe elétrico

  1. Silvia rodrigues vieira de castro disse:

    Queria revender a banha de peixe eletrico moro sebastiao da silva leite fernandes465itapetininga sao paulo

    • Celina disse:

      SILVIA MEU NOME É CELINA ,TRABALHO EM UMA EMPRESA EM SP E REVENDO PARA O BRASIL INTEIRO , DEPENDO DA QUANTIDADE QUE VC QUISER PODEMOS REVEENDER PARA VOCE

  2. John Doe disse:

    Haha.. que hilária sua história, procurei a respeito desse produto e encontrei isso, você escreve muito bem, agora sei para que serve, obrigado!

  3. CARLLOHENRIQUESANTOS disse:

    ESTOU COM UMA DOR NAS COSTAS TREMENDA, ESTOU PROCURANDO UMA POMADA QUE ALIVIE AS MINHAS DORES E ME SURPRENDI COM SEU COMENTARIO.. FIQUEI SEM ENTENDER O QUE VOCE QUIZ DIZER . TODOS RESPEITAMOS A SUA OPINIAO , NO ENTANTO VOCE FOI INFELIZ AO MENCIONAR AS TESTEMUNHAS DE JEOVA COM O CHARLATAO QUE VENDE OLEO DE PEIXE . AO FAZER CERTAS COMPARAÇOES DEVEMOS TOMAR CUIDADO PORQUE ALEM DE OFENDER QUEM E DESTA RELIGIAO PODEMOS DAR A ENTENDER OU DIVULGAR UM PRECONCEITO SUTIL AS OUTRAS PESSOAS .QUE NAO CONHECEM AS TESTEMUNHAS DE JEOVA COMO DEVE SER O SEU CASO . O PRECONCEITO ESTA PREVISTO E CAPITULADO EM LEI NA CONSTITUIÇAO SEJA ELE DE QUE FORMA FOR .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: